top of page

Jackson Souza Vence Primeira Bateria com Pecly se recuperando e vencendo segunda bateria

Em uma corrida conturbada cheia de punições mas cheia de emoção abre o campeonato da Lancer RS da Grid Seven

Logo GRIDBURN re22jjjjjd_edited.png

Reportagem: Brian Castiglioni
Imagem: Vinicius Borghi

19 de mar. de 2022

Foi dado início ao campeonato da Grid Seven, trazendo toda a emoção do G7 Lancer RS nas pistas do circuito de Goiânia. Um Grid repleto de pilotos com muita emoção e alto nível de competitividade. Marcado por uma quantidade grande de Incidentes.


Classificação:


Com uma classificação tranquila para Gabriel Pecly ficando a 0.523s do segundo colocado. Largou de Cara para o vento.


1º Gabriel Pecly – 1:33.502

2º Cleber Riboni – 1:34.025

3º Sérgio Lemos – 1:34.199

4º Flavio Costa – 1:34.326

5º Aparicio Felix – 1:34.340

6º César Bastos – 1:34.372

7º Italo Borato – 1:34.444

8º Guilherme Hauser – 1:34.490

9º Jackson de Souza – 1:34.550

10º Gustavo Blasquez – 1:34.695

11º Matheus Gomes – 1:34.848

12º Santhiago Marinho – 1:34.876

13º Cristiano Possobon – 1:35.143

14º Maicon Tank – 1:36.164

15º Crhistian Izaguirry – 1:36.792

16º Ricardo Almeida – 1:39.778

17º Enrico de Lucca – S/T

Fonte: Live Racers (https://gridsevenav.liveracers.com/Results/Result/b131248c-1a6a-4554-a5bb-35af491da3e2)


1ª Bateria:


Gabriel Pecly, da equipe Hoperários Bravo Racing, que largou da Poli position se mantendo na liderança da corrida, mas já no inicio da corrida teve um incidente que precisou da entrada do Safety Car, tendo Gabriel Pecly mudando a estratégia de boxes e entrando no pit precocemente, o que acabou por prejudicar sua estratégia de corrida, mas em uma bela corrida de recuperação acabou por chegar na segunda posição na pista, porém em analise pós corrida acabou por tomar uma punição e acaba por perder 4 posições e terminar na quinta posição como resultado final.


Com isso o caminho ficou aberto para Jackson de Souza, da equipe BEcom E-Sports, ganhar a corrida com uma bela corrida de recuperação após uma volta não tão boa na sessão de classificação, largando da 9ª posição, ganhando incríveis 7 posições durante a corrida e terminando por vencer a corrida.


Mas mesmo com os percalços durante a corrida a volta mais rápida da prova ficou com Gabriel Pecly cravando 1:33.674. Além de belas ultrapassagens.


Destaque também para Guilherme Hauser, da equipe GF Racing, e Italo Borato, a Borato Racing Team, que completaram o podium, Guilherme Hauser que ganhou 4 posições durante a corrida para terminar na terceira posição na pista, e ítalo em quarto, mas com a punição de Pecly, acabaram por herdar a segunda e terceira posição no resultado final da prova.


Italo Borato, da BRT, ainda veio para vencer na categoria Light, o piloto foi a mais bem colocado de sua categoria, ganhando duas posições, uma delas em uma briga acirradíssima com Aparicio Felix que acabou sendo ultrapassado por Italo na última curva da última volta, e herdando mais uma posição para ainda terminar no podium da geral, na pista Aparicio Felix, da equipe Orelhana RT, terminou em segundo da categoria Light, porém devido a punição pós corrida acabaram herdando a posição tendo Cristiano Possobon, da equipe BEcom E-Sports, em segundo, e Crhistian Izaguirry, da equipe Orelhana RT, fechando o podium da categoria Light.


Resultado:

1º Jackson de Souza – 26:57.729

2º Guilherme Hauser - 27:04.466 (+6.737)

3º Italo Borato - 27:06.586 (+8.857)

4º Matheus Gomes - 27:18.294 (+20.565)

5º Gabriel Pecly - 27:00.668 (+2.940) +20s = 28:00.668 (+22.940)

6º Cristiano Possobon - 27:21.662 (+23.933) +40s = 28:01.662 (+1:03.933)

7º Crhistian Izaguirry - 28:02.537 (+1:04.808)

8º Aparicio Felix - 27:06.696 (+8.967) +60s = 28:06.696 (+1:08.967)

9º Cleber Riboni - 27:57.990 (+1:00.261) +60s = 28:57.990 (+2:00.261)

10º Gustavo Blasquez - 27:11.016 (+1 Laps)

11º Cesar Bastor - 27:24.543 (+1 Laps)

12º Ricardo Almeida - 27:29.286 (+1 Laps)

13º Enrico de Lucca – DNF

14º Maicon Tank – DNF

15º Santhiago Marinho – DNF

16º Flavio Costa – DNF

Fonte: Live Racers (https://gridsevenav.liveracers.com/Results/Result/5b638279-6a5b-4ad9-a0fd-2048eb6a55c1)


2ª Bateria:


Com a inversão do grid dos 8 primeiros da primeira bateria para a segunda, teve Cleber Riboni, da equipe Campos Racing, largando da poli seguido de Cristiano Possobon, da equipe BEcom E-Sports, fechando a primeira fila do grid de largada para a bateria. Porém com uma largada não muito boa dos lideres abriram passagem para Aparicio felix para assumir a ponta seguido de Italo Borato na segunda posição.


Mas não teve jeito o Gabriel Pecly estava andando muito em Goiânia, e saiu da sétima posição com a inversão do grid e depois de ganhar incríveis 6 posições, para vir para vencer a corrida, além de cravar novamente a volta mais rápida da corrida com 1:33.529.


Destaque ainda para os dois pilotos que terminaram fecharam o podium, Aparicio Felix e Italo Borato e, o Aparicio chegou a liderar a corrida por mais da metade da prova, porém acabou que depois de um acidente grave na curva 0 do circuito, obrigou a entrada de um safety car, fazendo com os pilotos se juntassem, tirando toda a vantagem que o Aparício tinha para Pecly, que acabou por ultrapassar após a saída do carro de segurança.


Mas se por um lado o Aparício perdeu a posição para Pecly após a intervenção do carro de segurança, terminando na segunda posição da corrida, , o Italo borado saiu da sétima posição para terminar em terceiro lugar subindo no podium, fechando assim os 3 melhores colocados do geral.


Mas mesmo com a perda da primeira posição do geral Aparício Félix veio para se redimir da primeira bateria, se na primeira ele perdeu a vitória da Light na última curva, na segunda bateria abriu uma bela vantagem e veio para vencer na categoria Light, deixando Italo Borato na segunda posição, e seguido de Cristiano Possobon, fechando assim o podium.


Resultado:

1º Gabriel Pecly – 00:00

2º Aparicio Felix - +5.617

3º Italo Borato - +7.917

4º Flavio Costa – +11.815

5º Cesar Bastor - +13.004 +20s = 33.004

6º Gustavo Blasquez - +12.260 +40s = +52.260

7º Matheus Gomes - +13.587 +40s = +53.587

8º Santhiago Marinho – +34.234 +20s = +54.234

9º Cristiano Possobon - +14.321 +40s = +54.321

10º Guilherme Hauser - +10.441 +80s = +1:30.441

11º Ricardo Almeida - +1:34.229

12º Crhistian Izagui - DNF

13º Jackson de Souza – DNF

14º Cleber Riboni - DNF

15º Maicon Tank – DNF

Fonte: Live Racers (https://gridsevenav.liveracers.com/Results/Result/aec0749b-7a23-44ae-9cd2-062b7e5a7058)

OBS.: Live Racers apresentou os resultados finais incorretos, portanto foi utilizado a transmissão para pegar o resultado correto.


Construtores


Ao final da primeira etapa do campeonato de Lancer RS, e depois das punições devidamente aplicadas, temos a liderança com a Hoperários Bravo Racing A na primeira posição, seguido da GF Racing A em segundo, e fechando com a terceira posição a equipe Orelhana RT A.


Documento de analise completa da direção de prova

https://drive.google.com/file/d/1JIv3GEEl8H9jPT8aYxlOSJdcHvM0fg_m/view?usp=sharing

Punições:

1ª Bateria:

- Gabriel Pecly: +20s, +2pts na carteira;

- Maikon Tank: +40s, +4pts na carteira;

- Cleber Riboni: +60s, +12pts na carteira;

- Aparício Félix: +60s, +6pts na carteira;

- Matheus Gomes: +0s, +1pt na carteira;

- Enrico de Lucca: +20s, +3pt na carteira + Sem classificação por uma corrida;

- Cristiano Possobon: +40s, +4pts na carteira;

- Gustavo Blasquez: +0s, +2pts na carteira.


2ª Bateria:

- Guilherme Hauser: +80s, +8pts na carteira;

- Cristiano Possobon: +40s, +4pts na carteira;

- Cleber Riboni: +100s, +13pts na carteira;

- Santhiago Marinho: 20s, +9pts na carteira;

- Matheus Gomes: +40s, +8pts na carteira;

- Gustavo Blasquez: +40s, +5pts na carteira;

- Cesar Bastos: +20s, +2pts na carteira.



Pontos na Carteira:

- Gabriel Pecly: +2pts

- Cesar Bastos: +2pts;

- Enrico de Lucca: +3pt;

- Maikon Tank: +4pts;

- Aparício Félix: +6pts;

- Gustavo Blasquez: +7pts;

- Cristiano Possobon: +8pts;

- Guilherme Hauser: +8pts;

- Matheus Gomes: +9pts;

- Santhiago Marinho +9pts;

- Cleber Riboni: +25pts.


Punições para próximas etapas:

- Aparício Félix: Perderá 10 posições no próximo grid de largada;

- Gustavo Blasquez: Perderá 10 posições no próximo grid de largada;

- Enrico de Lucca: Proibido de fazer classificação na próxima etapa;

- Cristiano Possobon: Proibido de fazer classificação na próxima etapa;

- Guilherme Hauser: Proibido de fazer classificação na próxima etapa;

- Matheus Gomes: Proibido de fazer classificação na próxima etapa;

- Santhiago Marinho: Proibido de fazer classificação na próxima etapa;

- Cleber Riboni: Suspenção de 2 corridas (1 Etapa) por atingir duas vezes a pontuação máxima de 12 pontos.



Tabela de classificação na aba temporadas no site da Grid Seven.


contato_edited.png
bottom of page